Sobre mim

Enquanto Mães acredito que todas enfrentamos os nossos desafios.

Não sei se existirão Mães que passam pela experiência da parentalidade sem ter de travar algumas batalhas, mas acredito que não. Para umas a batalha terrível é a do sono, para outra os conflitos na hora de comer. Talvez algumas de nós só enfrentem desafios quando os filhos crescem e se tornam adolescentes. Mas acredito que todas nós passamos por momentos em que ficamos sem saber o que fazer. 

IMG_2135O meu nome é Filipa e tal como você que me lê, sou Mãe. E sim, também enfrento as minhas batalhas. Há vários anos atrás era jornalista até que o nascimento do meu primeiro filho veio revolucionar a minha vida. A todos os níveis.

E se passei a ter nos meus braços uma nova espécie de Amor – incondicional, incomensurável, desmedidodeparei-me também com as dificuldades que muitas de nós encontram pelo caminho. A maior delas na altura foi o sono. Ouvi aquilo que muitas de nós ouvem: “deixa-o chorar. Basta colocares na cama depois do beijinho de boa noite e fechar a porta.” Ouvi também o outro lado: “calma, vai passar. Dorme com ele nos teus braços porque um dia ele cresce e tu sentirás saudades“. 

Nada do que ouvi foi para mim uma opção. Ninguém me explicou o porquê de ter um filho que despertava a cada 2h. E se havia quem me instigasse a algo que o meu coração de mãe não permitia – deixar o meu filho chorar num quarto escuro até de manhã – havia também que me tentasse fazer acreditar que eu seria melhor mãe se me esquecesse de mim mesma, do meu relacionamento e de tudo aquilo que eu tinha sido e queria ainda ser.

Mas aceitar não dormir impedia-me de ser a mãe que sempre sonhara pois simplesmente não tinha energia nem paciência.
Foi por isso que ao procurar ajuda e ao não conseguir encontra-la de forma eficaz decidi estudar o tema. Na altura, e com o que aprendi, consegui que o meu filho passasse a descansar e a dormir bem. E a partir daí, de forma natural, acabei por deixar o jornalismo para trás e dediquei-me profissionalmente ao sono infantil.

Comecei por conversar com mães em centros de saúde – nos cursos de pós parto –  ouvir as suas dúvidas, partilhar experiências, ir até às suas casas para ver bem de perto como se comportavam os seus bebés. Passei muitas horas no hospital, escutando e observando mães e bebés acabados de nascer. Daí às consultas nos diferentes locais onde trabalho foi uma sucessão de passos em frente.

Nos últimos anos contactei com milhares de famílias – em consultas, workshops, palestras –, com profissionais de saúde e educadores. E mais do que aquilo que já aprendi em formações é a experiência que tenho com as famílias com quem me vou cruzando que me traz cada vez mais conhecimento. Esta experiência não tem preço.

Depois de passarem a dormir, muitas das “minhas” mães me perguntaram “Filipa, será que não me consegue ajudar? O meu filho não come nada!”. Ouvi-o tantas vezes que quis procurar estratégias para as ajudar. Porque entendia a forma como as crianças comem como uma questão também educacional. Não apenas fisiológica. E rapidamente percebi que muito frequentemente a forma como os ensinamos a comer reflecte-se diretamente na forma como eles comem.

E é assim que hoje me dedico a dois dos temas que são ainda um cavalo de batalha para muitas famílias: o sono e a alimentação.

Porque não acredito que se deva aceitar e esperar que tudo o que é difícil com os nossos filhos passe.

Porque não acredito que se deva aceitar e esperar que passe principalmente quando isso interfere com a nossa saúde e com a alegria e paz da nossa casa.

 

Formação e Experiência
  • Autora dos livros “10 Dias para Ensinar o Seu Filho a Dormir” (9ª edição) e “10 Histórias para Adormecer sem Medos nem Birras” (4ª edição) e Comer Sem Birras.
  • Oradora convidada de diferentes conferências, palestras e encontros médico-científicos assim como de acções de sensibilização e workshops sobre a infância abertos à comunidade
  • Organizadora dos Encontros Sleepy Time (3ª edição) que promovem a divulgação da importância do sono nos bebés e crianças em diferentes cidades do país
  • Formação Neurobiology of Sleep, Sleep Research Society
  • Formação Normal Human Sleep: Infancy to Adolescence, Sleep Research Society
  • Formação Nutrition in the Early Years, MNT Training
  • Formação Happiest Baby Educator, Dr. Harvey Karp
  • Formação OCN Maternity Practioner Nurse, MNT Training
  • Formação OCN Sleep Train, MNT Training
  • Mestrado em Fundos Europeus e Relações Internacionais, Madrid
  • Licenciatura em Jornalismo, Lisboa