Despertar com as galinhas

acordar cedo
 São muitas as mães que me perguntam o que fazer para que os seus filhos despertem um pouco mais tarde.

Muitas têm bebés e crianças pequenas que começam o dia às 6h00/6h30 da manhã, o que – dia após dia – se pode tornar bem complicado de gerir. É acordar sempre com as galinhas, mas na cidade. Sem galinhas e a sentir que um camião nos passou por cima!

Imagino que com a adolescência tudo será ao contrário…mas é óbvio que por agora, despertar com os passarinhos custa…bastante.

Bom, para começar é muito importante perceber se as nossas expectativas são realistas. Depois de sermos pais será difícil (para não dizer impossível) ficar a dormir até querermos. A ideia romântica que tantos filmes nos vendem de que ao sábado de manhã pais e filhos ficam na ronha, na cama dos pais, no quentinho e no miminho… com pais confortáveis a ler o jornal é, no mínimo… irreal. Normalmente ao fim-de-semana os nossos rebentos até gostam de acordar mais cedo, de tão excitados que estão por saber que têm o dia todo por sua conta!

Ainda assim, também não deveria ser expectável assumir que acordaremos todos os dias às 6h da manhã – e às vezes até antes!

Então, o que podemos fazer para não termos avezinhas madrugadoras? Há algumas coisas que podemos tentar…

* Usar um verdadeiro black out no quarto onde não entre mesmo nenhuma luz à medida que o dia vai clareando. Os miúdos são muito sensíveis à luz solar.

* Tentar entender se existe algum barulho sempre à mesma hora de madrugada que possa causar a interrupção do sono (camião do lixo, porta da garagem, vizinho que desperta) e, sendo possível, tentar evitá-lo ou até utilizar um white noise que ajude a “disfarçar” o ruído.

* Ajustar a hora de deitar bem como o sono diurno.

* Perceber se poderá existir fome a essa hora que motive o despertar madrugador.

* Usar um Relógio Despertador daqueles que mostram um sol assim que já é hora para a criança acordar, mas que mostram uma lua enquanto é suposto ainda permanecerem na cama (atenção que não vale programa-lo para o sol aparecer às 11h da manhã!).

 

Estas são algumas sugestões que costumam funcionar. E por aí? Há avizinhas madrugadoras? A que horas acordam os vossos filhos? Não é verdade que depois de sermos mães deixamos de precisar de ter despertador? 🙂

Trackback from your site.

You might also like

Leave a Reply